• Os Batizados ocorrem aos domingos. A inscrição deve ser realizada na secretaria da Paróquia com pelo menos sete dias de antecedência. Há um limite de 10 vagas para o Batismo por data.Obs: É importante confirmar na secretaria se terá Batismo no domingo desejado.
  • Curso de Preparação de Pais e PadrinhosTodo 1º, 2º e 4º domingo do mês, das 09h às 12h. A inscrição também deve ser realizada na secretaria da Paróquia com antecedência . Há um limite de 60 vagas por curso.

         Obs: Ao final do curso será concedido Certificado com validade de 02 anos. Ambos devem ser marcados com antecedência na Secretaria da Paróquia.

 CURSO DE PREPARAÇÃO PAIS E PADRINHOS – Documentos Necessários (CÓPIA):

  • RG dos Pais e Padrinhos;
  • Certidão de Batismo de Pais e Padrinhos (caso não tenha a certidão de Batismo pode ser a certidão de: Primeira Comunhão, Crisma ou Casamento Religioso da Igreja Católica Apostólica Romana).
  • Valor: R$ 20,00 por pessoa;
  • Horário: 09:00 às 12:00;
  • Local: sala 08.

Observação certidão de Casamento Religioso: não será aceita a certidão do Cartório com averbação do Casamento Religioso. Apenas a certidão que a Paróquia emite.

CELEBRAÇÃO DO BATISMO – Documentos Necessários (CÓPIA):

  • Curso de Batismo dos Pais e Padrinhos (na validade);
  • RG dos Pais e Padrinhos;
  • Certidão de Nascimento do batizando (até 7 anos de idade);
  • Comprovante de Residência atual dos Pais e Padrinhos;
  • Certidão de Batismo de Pais e Padrinhos (caso não tenha a certidão de Batismo pode ser a certidão de: Primeira Comunhão, Crisma ou Casamento Religioso da Igreja Católica Apostólica Romana).
  • Transferência de Batismo se Morar fora de Brasília;
  • Valor por criança: R$ 200,00.

Observação certidão de Casamento Religioso: não será aceita a certidão do Cartório com averbação do Casamento Religioso. Apenas a certidão que a Paróquia emite.

Os Pais e Padrinhos devem ser CATÓLICOS e ter vida frequente na igreja católica. Os PADRINHOS precisam ser solteiros ou casados na Igreja Católica Apostólica Romana, não podem ser casados apenas no civil nem viver em união estável e não podem ser divorciados.

Só será feita a inscrição do Batismo com todos os documentos.

ESCLARECIMENTOS SOBRE O BATISMO – Baseado nas Orientações do CIC – Catecismo da Igreja Católica e no Diretório dos Sacramentos da Arquidiocese de Brasília.

O que é Sacramento? Sacramento é um sinal visível e eficaz da graça, instituído por Jesus Cristo, para nossa santificação. Os Sacramentos são sete: Batismo, Crisma, Eucaristia, Confissão, Unção dos Enfermos, Ordem e Matrimônio.

O que é o Sacramento do Batismo? O Batismo é entendido como o sacramento que abre as portas da vida cristã ao batizado, incorporando-o à comunidade católica, ao grande Corpo Místico de Cristo, que é a Igreja em si.

Quem pode receber o Batismo? Pode receber o Batismo qualquer pessoa que não tenha sido batizada (CIC 1246). A partir dos sete anos, a pessoa não batizada deve preparar-se, através da Catequese Paroquial, para receber esse sacramento.

Quem pode Batizar? Os ministros ordenados: Bispos, Presbíteros e Diáconos. (CIC 1256).

Necessidade do Batismo? O próprio Senhor afirma que o Batismo é necessário para a salvação. Por isso, ordenou aos seus discípulos que anunciassem o Evangelho e batizassem todas as nações. O Batismo é necessário para a salvação de todos aqueles a quem o Evangelho foi anunciado e que tiveram a possibilidade de pedir este sacramento. A Igreja não conhece outro meio senão o Batismo para garantir a entrada na bem-aventurança eterna. (CIC 1257).

Qual é a missão dos Pais? A missão dos Pais não é nenhuma novidade, é apenas cumprir as promessas proferidas no Sacramento do Matrimônio: “…educar na fé os filhos que Deus os conceder”.

Qual é a missão do Padrinho e da Madrinha? A missão dos Padrinhos é de dupla responsabilidade:

1- Cooperar com os pais do seu afilhado no cumprimento da promessa deles: “…educar na fé os filhos que Deus os conceder”.

  1. orientar o(a) afilhado(a) no crescimento da fé cristã, sendo um companheiro fiel na caminhada espiritual desta pessoa.

Lembramos que ser padrinho ou madrinha não é um prêmio ou função social, mas sim um compromisso cristão por toda a vida. Para padrinho e madrinha é necessário: As exigências para ser padrinho ou madrinha encontram-se descritas nos cânones 872-874 do vigente Código de Direito Canônico:

  • Ter consciência da missão que está abraçando, desejando ser luz e fermento da vida cristã da criança que está assumindo como afilhada;
  • Ser maior de 18 anos;
  • Ser católico, confirmado, ter recebido a Eucaristia e levar uma vida de acordo coma fé cristã católica e com o múnus que vai desempenhar e não esteja incurso em nenhuma penalidade canônica;
  • Ser solteiro desimpedido ou, se casados civilmente, exige-se que tenham recebido o Sacramento do Matrimônio da Igreja Católica;
  • Ter participado do Encontro de Preparação para o Batismo (válido por 2 anos).

Onde a criança deve ser batizada? A criança deve ser batizada em cerimônia pública nas capelas ou igrejas da comunidade paroquial onde os pais frequentam. Se desejar realizar o batizado em outra paróquia ou em capelas particulares deve-se solicitar a autorização prévia do pároco.

É importante dar atenção à escolha do nome da criança? Claro, o nome é como uma identidade pessoal. Ele marca a pessoa para a vida toda. Por isso, é necessário escolher nomes que tenham um significado especial para os pais ou para a própria criança e não somente porque tal nome está na moda, ou é de um artista ou personagem de televisão, ou nomes que representam outra fé, que não a católica.

Ser batizado ou não, faz diferença? É através do Batismo que participamos da Redenção que Jesus nos conquistou com o Seu precioso sangue. Tanto assim que Ele disse aos Apóstolos, pouco antes de sua Ascensão ao Céu: “Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado” (Marcos 16,16). Pelo pecado de Adão e Eva, a humanidade se separou de Deus, e experimentou a danação, já que Deus é a fonte da vida do homem. Jesus veio para “tirar o pecado do mundo” (João 1, 29) e recolocar o homem em comunhão com Deus. Ele fez isso pela sua Paixão e Morte de Cruz, e deixou a Igreja e os Sacramentos para que esta salvação chegue a cada pessoa. O Batismo é exatamente este primeiro sacramento que nos faz “membros do Corpo de Cristo” (conf. I Coríntios 12, 27) e participantes de Seus méritos. Assim, ser batizado, é fazer parte de Jesus, é ser membro de Sua Igreja, é ser filho de Deus adotado por Jesus Cristo, é ter o Céu por herança, e ter Maria como Mãe. Logo, ser batizado faz muita diferença! Ser batizado é a maior graça que alguém pode receber na terra; por isso, a Igreja não quer que ninguém fique sem o Batismo; e a criança, pela fé dos pais e padrinhos, deve logo ser batizada.

Em caso de dúvidas ligar na Secretaria da Paróquia: 3226-0300